Câmara aborda tema de exploração sexual infantil em Sessão Solene

por estagiocomunicacao — publicado 15/05/2012 14h45, última modificação 20/06/2016 10h31
Evento teve o objetivo de abordar o assunto e abrir a Semana de conscientização, prevenção e combate a exploração e abuso infantil
Câmara aborda tema de exploração sexual infantil em Sessão Solene

Vereadores, homenageados e municípes participam da Sessão

Estudos realizados nos estados brasileiros mostram que a Pedofilia, o abuso e a exploração sexual Infanto Juvenil são problemas alarmantes na sociedade atual. Segundo dados do Ministério da Justiça, somente nos últimos oito anos foram registrados 16.802 casos de abuso sexual contra a criança. Isso indica que a cada quatro horas uma criança foi vítima desse tipo de abuso, nesse período. Em 2010, mais de 800 crianças em todo o Brasil foram vítimas de estupro, segundo dados do Ministério da Saúde.

Para tratar sobre o assunto e as estatísticas preocupantes, a Câmara de Vereadores de Pindamonhangaba realizou uma Sessão Solene de abertura a Semana de conscientização, Prevenção e combate a Pedofilia, ao abuso e a exploração sexual Infanto Juvenil. O evento foi realizado no dia 14 de maio, no Plenário da Casa e contou com a participação de vereadores, autoridades, entidades e munícipes.

Os homenageados da noite foram: o Juiz de Direito da 3ª Vara da Comarca de Pindamonhangaba, Alessandro de Souza Lima e a Diretora de Projetos Sociais da Empresa TenarisConfab, Rosângela Silva Gomes. A escolha dos homenageados é baseada no trabalho de ambos contra o abuso infantil. O Juiz Alessandro Lima é autor de um projeto que combate a Pedofilia e que atualmente está em votação no Congresso Nacional, já a diretora Rosângela Gomes, é a responsável pelos trabalhos de desenvolvimento social da TenarisConfab e ajuda diversas crianças através dos programas subsidiados pela empresa.

“É uma honra para nós vereadores homenagearmos quem luta pelo fim do abuso de menores. Acho importante que este tema seja constantemente abordado, pois precisamos lutar pelo fim deste problema”, afirmou o presidente da Câmara, vereador Ricardo Piorino.
A Sessão teve inicio às 21hs e durou cerca de uma hora.