Câmara de Pindamonhangaba demonstra austeridade e transparência e faz economia de R$ 14.076.319,99

por Administrador publicado 22/12/2015 15h10, última modificação 02/03/2016 10h30
Poder Legislativo tem direito a 6% da Receita Corrente Líquida do município; Presidente Felipe César diz que economia do Legislativo é fruto de ações simples e objetivas com o apoio dos vereadores e dos funcionários
Câmara de Pindamonhangaba demonstra austeridade e transparência e faz economia de R$ 14.076.319,99

Presidente Felipe César entrega cheque ao Prefeito; valor é resultado da economia da Casa em 2015

Austeridade, transparência e economia. Com essas ações administrativas e gerenciais, a Câmara de Pindamonhangaba conseguiu promover uma redução de seus custos operacionais e financeiros em 2015. Desta forma, dos R$ 20.044.862,16 (vinte milhões, quarenta e quatro mil, oitocentos e sessenta e dois reais e dezesseis centavos) que o Poder Legislativo tem direito em função da Legislação vigente, o Presidente da Câmara, vereador Felipe César (PMDB) economizou R$ 14.076.319,99 (catorze milhões, setenta e seis mil, trezentos e dezenove reais e noventa e nove centavos).

Segundo o vereador Felipe César, ações simples como racionalização de horas extras, redução dos gastos com telefone, água, energia elétrica e materiais de escritório; controle rígido do uso dos carros oficiais e, sobretudo, a manutenção preventiva da sede do Legislativo possibilitaram essa importante economia que deverá reverter em obras para a comunidade e benefícios aos nossos munícipes.

materia2-22122015.jpg

“O resultado positivo da economia de recursos públicos é fruto de uma Administração austera e transparente que promovemos nesta Casa de Leis. Priorizamos a eficiência das ações e atividades dos nossos servidores e contamos com a colaboração dos vereadores”, salientou o presidente da Câmara, vereador Felipe César.

 

Divisão de Comunicação

22 de dezembro de 2015 - 17h15