Em votação unânime, vereadores confirmam: Associação Pró-Coalizões Comunitárias Antidrogas do Brasil é declarada de utilidade pública

por Robson Luis Monteiro publicado 17/05/2016 10h15, última modificação 10/06/2016 10h25
Reunião Plenária também foi palco de importante homenagem à atleta pindamonhangabense, Bruna Gonçalves Franceschini, que conquistou o título mundial de Muay Thay na Tailândia
Em votação unânime, vereadores confirmam: Associação Pró-Coalizões Comunitárias Antidrogas do Brasil é declarada de utilidade pública

Sessão ordinária teve intensa movimentação com aprovação de projetos, homenagem e alterações na Mesa Diretora

A 17ª Sessão Ordinária deste ano, realizada no Palácio Legislativo “Dr. Geraldo José Rodrigues Alckmin”, nesta segunda-feira, dia 16 de maio, foi movimentada e intensa com 3 Projetos de Lei relacionados na Ordem do Dia, uma inclusão regimental e a homenagem da Casa a uma atleta pindamonhangabense de alto rendimento que acabou de conquistar um título mundial de Muay Thay. O único ausente no plenário foi o vereador Professor Eric (DEM), que não compareceu por problemas de saúde.

Dos projetos da Ordem do Dia, 2 foram aprovados e um foi adiado por falta de documentação. O primeiro documento analisado – e aprovado por 9 a zero – foi o Projeto de Lei n° 42/2016, do Poder Executivo, que “Dispõe sobre a abertura de crédito adicional suplementar”. A aprovação do plenário possibilitou ao Executivo Municipal a abertura de um crédito adicional suplementar no valor de R$47.000,00 (quarenta e sete mil reais), na Secretaria de Educação e Cultura, no Departamento de Cultura. Os recursos financeiros serão usados para aquisição de livros para a biblioteca do CEU – Centro de Artes e Esportes Unificado, integrando a segunda etapa para a concretização do projeto de implementação da referida praça.

O segundo item aprovado - Projeto de Lei n° 45/2016de autoria do vereador José Carlos Gomes – Cal (PTB), que “Declara de Utilidade Pública a ASSOCIAÇÃO PRO COALIZÕES COMUNITÁRIAS ANTIDROGAS DO BRASIL”. O documento recebeu 9 votos a favor, sendo aprovado integralmente pelo colegiado de parlamentares presentes.

Nos estatutos da entidade, a Associação Pró Coalizões Comunitárias Antidrogas do Brasil é definida como “uma pessoa jurídica de direito privado, sem fins lucrativos, com autonomia administrativa e financeira, sediada na Rua João da Palma Rodrigues, 60, no bairro Vila São Benedito, em Pindamonhangaba-SP, cujos objetivos são: Criar Programas de combate e prevenção às drogas através de Coalizões Comunitárias Antidrogas, seguindo modelo da união dos doze setores adaptados a realidade brasileira, definido pela CADCA (Comnunity Antidrug Coalitions of America), sob o lema: "comunidade segura, saudável e livre das drogas"; Interligar-se com organizações que se disponham a trabalhar em conjunto com o programa das coalizões e Firmar apoio com empresas Públicas, Privadas, Instituições Religiosas, Sociais e demais instituições, entre outros.


Adiado

Já o Projeto de Lei n° 44/2016, do vereador Janio Ardito Lerario (PSDB), que “Denomina a Farmácia Central, o Almoxarifado e a Ouvidoria, localizados na Avenida Albuquerque Lins, de ARLINDO E ANITA PAIM” foi adiado pelos vereadores até que a documentação do projeto esteja completa.

Inclusão

O quarto projeto apreciado pelos parlamentares nesta sessão ordinária foi o PL n° 47/2016, da Prefeitura que “Autoriza o Executivo Municipal a celebrar convênio e auxílio com as entidades que específica”. Aprovado por 9 a zero, o documento irá permitir que o Poder Executivo celebre convênio e/ou auxílio com as seguintes entidades sociais, sem fins lucrativos: Associação para Auxílio da Criança e do Adolescente — Projeto Crescer (R$ 36.800,00); Associação para Auxílio da Criança e do Adolescente — Projeto Crescer (R$ 700,00); Associação dos Cooperadores Salesianos de Pindamonhangaba (R$ 52.369,85); Associação Pro Coalizões Comunitárias Antidrogas do Brasil – Coalização (R$ 50.450,00); Associação Pindamonhangabense de Amor Exigente – APAMEX (R$ 37.500,00); Liceu Coração de Jesus (R$ 37.500,00) e Instituto Filhas de Nossa Senhora - Obra Padre Vita (R$ 37.500,00). As entidades somente receberão o repasse, mediante a apresentação preliminar dos documentos que as habilitem ao recebimento, nos termos da Instrução n° 02/08, do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo e a Lei Federal 8.666/93.Todos os recursos financeiros destes repasses são provenientes do Fundo Municipal da Criança e do Adolescente — FUMCAD, para o desenvolvimento de atividades destinadas às ações assistenciais.

Campeã Mundial de Muay Thay

Momentos antes do início da Ordem do Dia, a Câmara de Pindamonhangaba realizou uma importante homenagem a atleta pindamonhangabense, BRUNA GONÇALVES FRANCESCHINI, pela brilhante conquista do título mundial de Muay Thay na Tailândia e por ter representado com honradez e dignidade o nome do esporte de Pindamonhangaba. A honraria foi entregue após a aprovação do Requerimento nº. 569/2016, do vereador Roderley Miotto (PSDB).

Nascida em 15 de maio de 1992, na cidade de São Paulo, Bruna é filha de Elizete Gonçalves Franceschini e Eduardo Franceschini. Veio morar em Pindamonhangaba com 7 anos de idade. Com esta idade, seus pais já a incentivavam a praticar esporte e assistia a lutas com o pai todos os finais de semana. Com 10 anos procurou na academia do Tayoba algumas modalidades e começou a treinar capoeira com o Mestre Sandrão. Em 2 anos descobriu sua paixão por Muay Thay, por ser muito parecido com o Boxe. Após 3 meses de treino fez sua primeira luta de Muay Thay em Taubaté, em 2007, onde obteve sua primeira vitória. Tornou-se atleta invicta na sua categoria, onde nunca perdeu uma luta! Mas, infelizmente sofreu um acidente de moto e ficou 2 anos afastada das competições. E, em 2015, voltou a treinar forte para as competições e ganhando o Campeonato Brasileiro, Panamericano e, em 2016, faturou o 1º lugar no Campeonato Paulista e o título mundial de Muay Thai, na Tailândia.

Alteração Mesa Diretora

No início da sessão ordinária, os vereadores elegeram os novos integrantes da Mesa Diretora. A alteração foi realizada para se adequar ao Regimento Interno da Casa. Para o cargo de 1º secretário foi eleito o vereador Roderley Miotto (PSDB) e para a 2º vice-presidência, o vereador Janio Ardito Lerario. Ambos receberam a totalidade dos votos dos parlamentares presentes – 10 votos. O vereador Professor Eric estava ausente.

A nova Mesa Diretora está assim composta:

Presidente: Vereador Felipe César

1° Vice-Presidente: Vereador Carlos Eduardo de Moura - Magrão

2° Vice-Presidente: Vereador Janio Ardito Lerario

1° Secretário: Vereador Roderley Miotto

2° Secretário: Vereador Antonio Alves da Silva


18ª Sessão Ordinária

A 18ª sessão ordinária deverá ser realizada na segunda-feira, dia 23 de maio, no plenário “Francisco Romano de Oliveira”, com previsão de início para as 18 horas. A Câmara de Pindamonhangaba fica na rua Alcides Ramos Nogueira, 860 – Mombaça. A reunião plenária é aberta à população e pode, ainda, ser acompanhada por meio da transmissão “ao vivo” pela internet no portal www.pindamonhangaba.sp.leg.br e no canal 04 (digital) da operadora de TV a cabo NET, de Pindamonhangaba.