Vereadores manifestam apoio e Medalha “Percy Lacerda” será concedida à jornalista da Ótima FM, Aline Bernardes

por Robson Luis Monteiro publicado 20/06/2017 11h51, última modificação 20/06/2017 11h51
Na Tribuna Livre, o Presidente do Conselho Municipal do Idoso, Adilson Lima da Silva apresentou as informações da Campanha de Enfrentamento à Violência contra o Idoso
Vereadores manifestam apoio e Medalha “Percy Lacerda” será concedida à jornalista da Ótima FM, Aline Bernardes

Sessão ordinária contou com explicações do Presidente do CMI sobre a campanha contra a violência do idoso e de Secretários da Prefeitura

Os vereadores de Pindamonhangaba confirmaram nesta segunda-feira, dia 19 de junho, durante a realização da 21ª Sessão Ordinária no Plenário “Dr. Francisco Romano de Oliveira” a aprovação do Projeto de Decreto Legislativo (PDL) n° 02/2017, do vereador Antonio Alves da Silva – Toninho da Farmácia (PSDB), que “Concede a Medalha Percy Newton de Lacerda César” à jornalista e radialista da Rádio Ótima FM, Aline Bernardes Coladelli. O PDL era o único item da Ordem do Dia e o documento foi aprovado por 10 votos a zero.

Com significante e forte atuação como jornalista e radialista no município de Pindamonhangaba e região, Aline Bernardes é de tradicional família de Pindamonhangaba. A entrega da medalha ocorrerá em data a ser agendada pelo autor da homenagem.

Aline Bernardes Coladelli

Natural de Pindamonhangaba, Aline nasceu em 8 de abril de 1983. É a filha mais velha de Regina Celi de Souza Fonseca e Márcio Bernardes da Fonseca. Concluiu sua vida escolar em Pindamonhangaba e o Ensino Superior na cidade de Taubaté, onde se formou em 2005 em Jornalismo pela Unitau.

Logo ao entrar na faculdade, em 2002 iniciou sua carreira de Jornalista, atuando como repórter no Jornal da Cidade.Vivenciou suas inúmeras funções em diversos outros veículos de comunicação da região, como a Rádio Metropolitana Taubaté, TV Educativa Setorial, Câmara de Vereadores de Taubaté, Rede Difusora de Comunicação - onde foi a primeira mulher a ser contratada como repórter de campo da Emissora -, Rádio 94 FM, Assessoria de Imprensa da Viva Pinda Transportes, entre outros.

Em 2010, recebeu o convite dos comunicadores Celso Portiolli e Elite Sandri para assumir a Direção de Jornalismo da Rádio Ótima FM. Aceitou a missão e em 2017 completa 7 anos de trabalho. Aline Bernardes está à frente do Setor de Notícias das rádios 94,5 FM (Ótima Pinda) e 90,3 FM (Ótima SJC).

Âncora do Jornal da Ótima FM, que vai ao ar todas as manhãs das 7 as 8 horas, Aline Bernardes e sua equipe levam aos ouvintes as principais informações e assuntos do dia, bem como desempenha um importante trabalho de responsabilidade social e utilidade pública junto a comunidade.

Em 2016, sob o comando de Aline Bernardes, o Jornal da Ótima FM foi considerado pela pesquisa IBOPE, o produto jornalístico matinal mais ouvido na cidade de Pindamonhangaba, bem como de outros municípios da região.


Tribuna Livre

Na Tribuna Livre desta segunda-feira, o Presidente do CMI – Conselho Municipal do Idoso, Adilson Lima da Silva apresentou aos vereadores e ao público presente a 6ª Campanha Municipal de Enfrentamento à Violência contra o Idoso. Em um vídeo exibido no plenário, todos puderam conhecer as mais variadas formas de violência contra os idosos. O audiovisual está sendo mostrado aos jovens e adolescentes das escolas de Moreira César, do Araratema e das outras regiões e do centro da cidade.

Segundo o Presidente do CMI, o vídeo foi gravado com a participação de idosos do CCI do bairro Vila Rica e o objetivo é chamar a atenção dos jovens e da sociedade para o problema dos diversos tipos e formas de violência contra os idosos. O tema do vídeo é “A experiência deve ser a única marca do idoso”.

Verbas para entidades sociais

Durante a discussão dos requerimentos, o plenário aprovou o pronunciamento do Presidente do Conselho Municipal de Assistência Social, Amauri Monteiro para explicar a questão do repasse das verbas da Prefeitura para as entidades do município. O dinheiro não está sendo enviado às entidades e isso tem prejudicado os trabalhos e atividades sociais destas entidades. Amauri demonstrou sua indignação com o problema e fez severas críticas aos assessores do Executivo, em especial, na questão da interpretação da legislação que regula esses repasse de verbas. “O Poder Público não tem tratado com dignidade as entidades que atuam na assistência social. Isso é uma garantia de direito como prevê a legislação”, afirmou.


Segundo ele, “o Departamento Jurídico tem conhecimento da Legislação desde 2014 e até agora eles não conseguem fazer esses repasses. “Eu não critico e nem culpo o Prefeito, mas acho que a sua assessoria não está sendo competente para atuar nesta área”, salientou.

Amauri Monteiro falou que “não entende como uma Assessoria Jurídica não consegue entender como deve ser feito o repasse das verbas. Essa Lei é de 2014, foi sancionada, regulamentada e isso causa indignação, pois não se sabe em quem termos esse rapasse poderá ser feito”. Ele cobrou uma solução urgente para esse problema. “Daqui a pouco termina o ano e as entidades ainda não receberam as verbas devidas”, concluiu Amauri Monteiro.

Licitação para veículos

Atendendo a um requerimento do vereador Rafael Goffi (PSDB), os Secretários de Administração, Fabrício Augusto Pereira e de Gabinete, Fabiano Vanone estiveram na Câmara nesta segunda-feira para explicar o procedimento licitatório para aluguel de 2.280 veículos leves e pesados na Prefeitura de Pindamonhangaba. Ao ser questionado pelo vereador Rafael Goffi, o Secretário Fabiano Vanone observou que “o gabinete do prefeito acompanha todos os processos e quem solicitou o aluguel foi a Secretaria de Serviços Públicos da cidade”. Ele disse que não são 2.280 veículos e que essa ata de registro de preços nasceu para atender a Atividade Delegada, uma vez que a PM solicitou os veículos para esse trabalho. Vanone informou que Prefeitura tem hoje 297 veículos entre caminhões, veículos de passeio, motos e etc.


Sobre o montante de veículos da Ata, Fabiano Vanone enfatizou que “não são 2.280 veículos e sim 2.280 possibilidades de locação (aluguel)”. O Secretário de Gabinete esclareceu que a Ata obriga o Poder Executivo a detalhar todas as possibilidades de locação, já que temos carros, motos, vans e caminhões de diversos tipos. “A ata é um contrato de 12 meses. Cada veículo locado são 12 possibilidades de aluguel”, acrescentou.

Vanone garantiu que “não será usado nem 40 % desta ata, mas é preciso ter essa segurança. O que vamos usar mesmo são as viaturas da Atividade Delegada”. “O valor total da ata é elevado, mas no valor unitário estaremos economizando para o município e, no final, saiu mais em conta”, concluiu Fabiano Vanone.

22ª sessão ordinária

E na segunda-feira, dia 26 de junho, às 18 horas, os vereadores de Pindamonhangaba voltam a se reunir oficialmente no Plenário “Dr. Francisco Romano de Oliveira” na 22ª sessão ordinária da Câmara Municipal. Aberta à comunidade, a sessão acontecerá na rua Alcides Ramos Nogueira, 860 – Mombaça. A reunião plenária tem transmissão “ao vivo” pelo canal 4 da Operadora NET e, também, pela internet no portal www.pindamonhangaba.sp.leg.br.